terça-feira, 30 de junho de 2009

A MORTE DE UM GÊNIO



Muito mais que um cantor, compositor e dançarino: Michael era um visionário. Nunca se conformou consigo mesmo, mudou e se refez da forma mais inusitada fisicamente. No entanto, emocionalmente sempre foi um ser frágil e carente que encontrou nos remédios a "cura" para sua dificuldade de lidar com os julgamentos do mundo.

Aparentemente viciado em demerol e com saúde fragilizada deixou um mundo de fãs desesperados, pois durante décadas ditou moda: suas formas de dançar ousadas, seu vestir diferente e seu talento inesquecível.

Pode-se dizer que, em minha humilde opinião que ele foi destruido pelo próprio mundo que construiu. Esse mundo, causou inveja, escandalos de pedofilia tomaram conta das mídia e riscaram sua imagem. Acordos milionários, calaram bocas que jamais deveriam ser caladas se as acusações forem realmente verdade. Novamente, na minha humilde opinião, acredito que seu dinheiro, fama, delicadez e simpatia trouxeram até ele oportunistas e falsos amigos.

O texto a seguir encontra-se aqui e é de autoria de Guilherme, jornalista e colunista da revista Época.

Tem muita gente reclamando que a morte de Michael Jackson está provocando mais polêmicas do que devia. Morreu depois de ter agredido seu próprio organismo de todas as formas, tentando ser quem não era. É uma visão simplista.

A morte de Michael se tornará um mito maior do que a morte de Elvis. Não pela importância do ídolo, mas pelo legado do personagem.



Michael Jackson é descrito por quase todo mundo como um prisioneiro de seu delírio racial, um ser de plástico. Um reprimido que lutou de forma patética contra sua própria natureza. Eis um engano confortável.



O cantor, compositor e bailarino espetacular estava entre os mais humanos dos humanos. Só o humano sonha, só o muito humano leva a sério seu sonho.

Michael tinha sonhos arrepiantes, às vezes soturnos, sobre sua pessoa. Um garoto forjado no meio de conflitos familiares e sociais pesados, de onde brotou sua arte. A linda melancolia de sua voz nos primeiros hits era o choro não chorado em casa.



Todas as mutações de Michael Jackson foram sua investida cega contra a repressão sofrida. Nunca aceitou caber no papel miserável que o destino lhe reservou. De um jeito neurótico, mas corajoso, foi atrás da liberdade total – e a mudança de cor era uma alegoria dessa busca.

Para lutar contra as marcas da opressão na infância, não bastava ser dono do próprio nariz. Era preciso desenhar seu próprio nariz. E seus cabelos, e sua opção sexual, e sua Terra do Nunca, e seus passos de dança inigualáveis e eternos.



Do alto de seu sofrimento e glória, o andróide Michael Jackson era humano. Demasiadamente humano.

Rasgou todos os scripts da vida, escreveu cada linha de sua história. Louca história. Mas sua. Um final feliz, apesar de triste.

quinta-feira, 25 de junho de 2009

TRISTEZA PUNK



Eu sei que devo visitas, eu sei e sinto culpa por isso, mas o meu ânimo está mínimo e me pentear está sendo uma tarefa árdua.
Entre choros e resmungos perdidos, desabo em lágrimas por motivos que mereceriam um "tapa na cara" ou pessoas merecedoras de tapas na cara literalmente (depende de vosso entendimento).



Meu TCC tá quase pronto falta só a conclusão, mas não consigo pensar. Quando as pessoas perguntam ou comentam sobre como estou me sentindo ocm peito novo e uma lipo, normalmente emendam frases que enaltecem o quanto minha auto estima deve estar elevada com tudo isso. Tenho uma vontade de bater nas pessoas. Meo, a repsota é pronta na minha mente "Eu nem me olhei ainda, isso não mudou nada na minha vida, porque deveria amar o espelho de uma hora pra outra".


Leia-se eu amava o espelho, eu amava fotos, eu amava tudo em mim, mas decidiram interferir na minha vida e me tirar meus remédinhos abençoados, agora aguentem!!
Embora eu vou começar com outros medicamentos, mais uma vez e de novo. Não os mesmos e controlados que usava mas algo que nunca usei e surtiu algum efeito:



Sertralina 50mg
Sibutramina 10 mg
e to tentada de verdade para conseguir um rivotrilzinho de novo. Podem apedrejar ele mas é um santo remédio para pessoas ansiosas que não conseguem dormir e não conseguem sossegar o coração.



Só uma pergunta: Será que é tão difícil assim ver a trsiteza nos meus olhos? É tão complicado ficar um pouquinho comigo e ajudar a suprir essa necessidade desesperadora... parece que sim.. e como parece.

domingo, 14 de junho de 2009

BURRA, HUMANA E DECEPCIONADA



Sabem quando a gente se sente o maior lixo do mundo? Realmente espero que nunca sintam.
Sabe aquele momento que você precisa de colo? A maioria das pessoas reclamam que não lhes comunicam seus desejos e suas vontades. No entanto, no meu caso é diferente, eu comunico o que quero ou melhor, o que eu sinto. Mas de que adianta isso se a pessoa ouve, finge prestar atenção e em menos de um dia é como se não tivesse ouvido mais nada. Quanto tempo eu vou continuar assim? Quanto tempo é possível segurar o choro e o desejo de mudança até torna-lo real? Sabem quando uma relação chega num ponto que a pessoa age contigo como se ela tivesse razão em tudo que faz e fala e você deveria aceitar o fato? Ou pior, quando você é o tipo de pessoa que guarda, guarda e guarda até que um dia quando o outro quer consertar as coisas você não é mais capaz de perdoar? E ainda quando, pelo fato de a outra pessoa estar decepcionada com o trabalho acaba esquecendo de você ou até, quem sabe, inconscientemente punindo você com a cara triste ou decepcionada e atitudes distantes.



E neste momento... Priss (0) X Prince of persia (10)

Eu sempre surpreendi as pessoas por decisões explosivas e sem arrependimentos e na verdade o que elas nunca souberam é que ao contrário delas, eu pensei por anos nas decisões que tomei de um segundo para o outro. Levantei todas as possibilidades e previ tudo que poderia acontecer e como eu iria reagir diante das situações.



Eu tenho fome de viver de forma diferente que eu vivo, mas não faço nada para mudar, por puro medo/certeza de magoar as pessoas. Se algum dia alguma de vocês precisar de um apoio para fazer o que eu não fiz, conte comigo e entre em contato pq eu vou ajudar, a única coisa que eu não consigo fazer é me ajudar.

Quando alguém vai me tirar daqui, quantas vezes eu vou gritar nesse poço e nunca ser ouvida?
Quando alguém vai atirar a corda pra mim subir pra vida de verdade?
Porque a vida me deu tanta capacidade e me colocou em um lugar tão medíocre e no meio de pessoas incapazes de entender as diferenças e aceitar que podem aprender comigo sobre coisas que ao menos pensariam que pudesse existir?
Me sinto sozinha, afogando no meio de tanta gente desinteressante e ainda, o que considero o pior de tudo: fingindo que tudo está bem.



Desculpa... eu tenho tanta NECESSIDADE de desabafar, mas quando eu termino penso que isso é besteira, que jamais serei ouvida e que nada irá mudar mesmo, então para que encher o saco de vocês com tanta besteira inútil...

a vontade de falar vai e volta, mas jamais cessa até que eu não fale realmente.

terça-feira, 9 de junho de 2009

ERROS DE SOMA



Erros de cálculo me fazem acreditar que não conseguirei resistir a pressão. Calma, eu explico. Fazem alguns dias que estou com lapsos criativos. Não consigo escrever, não consigo pensar, não consigo refletir.
Sinto uma falta da concentração inundando minha mente e é como se eu emburrecesse.

Eu sei que é certa falta de modéstia, mas nenhum trabalho final vai até o fim se eu não colocar as mãos. E a entrega da primeira versão é até dia 29, só falta alguns acréscimos e algumas mudanças, mas mesmo assim está tão penoso.




Queria tanto aquela concentração de quando eu tomava os remédios controlados. Podia até estar triste como me sentia, mas pelo menos eu escrevia e rendia horrores. Como alguém pode viver sem isso?

Como toda pessoa de quase 22 anos eu tenho tantos sonhos. Queria tanto sair mais e com pessoas legais, pessoas essas que leia-se não saem pra se encostar no balcão do bar ou da copa, pessoas que não agem como animais no cio (caçando deseperadamente) e que não encham a cara até não conseguir mais dançar.



Sabe aquelas amigas que alguns felizes viventes mundanos tem? Aquelas mesmas que saem junto e dançam as músicas mais complexas e possuem os mesmo gostos que você? Preciso de uma, se encontrar envie para o endereço bla bla bla...

Estou imensamente irritada por um motivo banal. Bom, para mim é banal. A~situação é assim: a faculdade está terminando e a sua sogra e seu sogro com certeza irão fazer tudo para levar o filhote deles para junto deles assim que for possível ou que as atividades curriculares terminares, se ele vai é outro papo.



Nesse momento, me sinto absurdamente frustrada, é como se embora não bastasse a vida que a gente leva ser microscópica, você não se sente amada, é como se tanto fizesse se vc tá aí ou não, é a diferença de sentir-se especial ou um qualquer conhecido.
Tenho vontade de chorar a cada 10 minutos e não sou uma pessoa instável em relação ao choro.


Amy, sempre Amy

Só posso pedir uma coisa: me dêem meus remédios de volta.

quinta-feira, 4 de junho de 2009

FOLHA MAGRA E REFLEXÕES



"Perdoamos facilmente uma criança que tem medo da escuridão; a real tragédiada vida é quando os homens têm medo da luz."

"Escrevo na escuridão
para me distanciar da solidão
mas tudo me leva para a tristeza e dor
que eu sinto no meu coração
Vivo no desejo de querer viver
sem o sentimento maldito da solidão
vejo que o impossível
é necessário neste mundo de ilusão
Não sei o que dizer
vejo tudo confuso, perdido
na minha vida mas a única certeza que eu tenho
é a dor que as palavras me causaram"...



Sempre no limite entre a sanidade e a loucura, percebo cada dia mais doentia a minha e a nossa necessidade de estar magra. Como se dependesse tudo disso, como se não fosse permitido viver, ou permitido amar-se sem alcançar essa possibilidade.



Bom, vim para avisar que estou tomando Folha magra ou pholia magra, se vai funcionar eu não sei. Sei somente que é algo meio novo nas prateleiras e é natural. Eu paguei R$ 1,00 por cápsula, então vamos esperar para ver se melhora alguma coisa. Beijos e segue a descrição do produto se algu´pem se interessar, não senti nenhuma efeito colateral.



Pholia magra - indica possuir ação diurética, ação redutora de depósitos de celulite por ser estimulante da circulação. O efeito emagrecedor pode ser devido a uma atividade inibidora atuante no sistema nervoso central, por isso esta planta age como supressora do apetite.
Além da cafeína esta planta apresenta quantidades significativas de potássio, que auxilia na compensação da perda de minerais relacionada com a ação diurética, pode agir na redução da celulite e da gordura localizada. Comparada ao Rimonabanto, é também conhecida como a erva “anti-barriga”, contudo totalmente natural.



PRINCIPAIS CARACTERÍSTICAS DA PHOLIAMAGRA:
Em dietas para a perda de peso
Redutor do excesso de gorduras localizadas (especialmente do abdômen)
Tratamento da retenção de líquidos
Tonificante Muscular
Energizante
Cardiotônico
Anti-viral
: O extrato etanólico das folhas reduz a replicação do vírus Herpes Tipo 1.

Concentrações de Uso: É indicado tomar 250 a 300mg duas vezes ao dia.